Divulgação

Pod Minoga


Criado nos anos 70, o Pod Minoga foi um grupo experimental brasileiro de teatro, com atuação em São Paulo. Dirigido por Naum Alves de Souza, na Faculdade Armando Álvares Penteado - Faap. Seus principais integrantes foram Carlos Moreno, Mira Haar, Flávio de Sousa e o escritor Dionisio Jacob.

O grupo se caracterizava por uma linguagem de humor non-sense, com forte senso plástico, pois seus integrantes vinham todos da área de Artes Plásticas e Arquitetura.

Movidos pelo prazer e pelo descompromisso em relação às técnicas tradicionais do teatro, os integrantes do grupo criaram uma forma cênica original e um estilo próprio de representação, com primazia à plasticidade da cena. No Pod Minoga, o ator constitui-se como criador, utilizando seu potencial expressivo e imaginativo para compor personagens e situações. A crítica, sempre elogiosa no que diz respeito ao aspecto visual das produções do grupo, aponta a prolixidade dos espetáculos e a falta de preparo técnico dos atores quando esses deixam de representar personagens inspiradas no cotidiano para parodiar a ópera ou outras linguagens artísticas.

As apresentações eram realizados num galpão, uma antiga funilaria, na rua Oscar Freire, localizada na capital paulista, com lugar para apenas cinqüenta pessoas. Com o tempo e com o sucesso das apresentações, as montagens passaram a ser feitas em teatros maiores.

Espetáculos:

1972 - Miscelânea
1973 - São Clemente
1974 - A Fabulosa Saga de Violeta Allegro
1975 - Cenas da Última Noite
1977 - Folias Bíblicas
1978 - Salada Paulista
1980 - Às Margens Plácidas
Click News

Assine nossa newsletter

Nome
E-Mail
Promoções

Séries de TV

De A a Z